Hera

Ação e instalação realizada no dia 07 de maio de 2022, na Casa das Caldeiras, São Paulo, SP.

O radicante pode sem nenhum prejuízo, romper com as suas raízes primeiras e reaclimatar-se: não existe origem única , existem enraizamentos sucessivos, simultâneos ou cruzados.(Nicolas Bourriaud

A hera é um vegetal radicante, porque faz nascer suas raízes à medida que avança, ao contrário dos radicais, cuja, evolução é determinada pelo ancoramento em algum solo. (Nicolas Bourriaud).

Radicar: Infundir(-se) ou fixar(-se) profundamente; arraigar(-se), enraizar(-se) [td. : Radicar ideias].

 

Hera é uma planta radicante, ou seja, ela é capaz de produzir raízes, a partir de um pequeno ponto, ela ocupa o espaço, ela começa a fazer parte da arquitetura. E assim, foi minha ação na Casa das Caldeiras, a partir de um primeiro nó, comecei a ocupar o muro da escada. Desenhei com linha vermelha este percurso. E o diálogo entre meus corpo e o corpo da escada se estabeleceu, a principio a atenção se voltava para meu corpo e minha ação no espaço da Casa das Caldeiras, mas no decorrer da performance a atenção foi se desviando de mim e passou a se direcionada para o corpo de linha que crescia, e ocupava uma parte da arquitetura. Para esta ação usei 637 metros de barbante vermelho e subi e desci a escada por 48 minutos e 38 segundos.

A ação foi realizada com apoio do Térreo Ateliê.

O núcleo Térreo Ateliê ocupa um espaço físico e simbólico localizado no andar térreo da Casa das Caldeiras, aberto ao público aos finais de semana. Imaginado para seguir desenvolvendo projetos de pesquisa, criação, formação, compartilhamento de conhecimentos, difusão de arte e outras ações relacionadas para serem realizadas na Casa das Caldeiras ou a partir dela.

Térreo Ateliê : Sábados e Domingos | 15h às 19 Casa das Caldeiras – Avenida Francisco Matarazzo, 1650, Água Branca, SP